Skip to main content

Ter um Site: Investimento Essencial na Era Digital

Ter um site pode fazer toda a diferença para quem deseja estar na web. E uma das dúvidas mais recorrentes é qual a melhor alternativa, o Website Free ou o Website Pago. Muitas pessoas acabam optando por ter um site grátis por conta do baixo investimento. Contudo, elas deixam de considerar alguns aspectos importantes que fazem toda a diferença na hora de estabelecer uma boa imagem no mundo digital. Desde armazenamento até suporte, existem várias diferenças entre os sites gratuitos e os pagos. Além disso, é necessário ter em mente que também existem várias categorias de websites, e que cada uma possui características específicas. Por isso, nesse post vamos falar sobre qual a melhor opção entre o Website Free e o pago, bem como os tipos existentes.

 

Descubra qual o melhor Website Free ou Website pago!

Quando o assunto é Website Free ou Website pago, é comum que as pessoas queiram a opção gratuita por conta da economia. Contudo, existem outros fatores que precisam ser levados em consideração se você realmente quer ter uma página na web de qualidade.

Comparando as Opções: Website Free vs. Website Pago

Design:

Uma das grandes diferenças dessas duas alternativas é o design. No caso do Website Free, as opções são bem limitadas. Normalmente, as plataformas não disponibilizam mais que 5 modelos para criação. E isso acaba limitando e muito o desenvolvimento de uma identidade visual. Por sua vez, a versão paga de um site geralmente tem uma variedade de templates prontos muito maior. Além disso, você pode contar com um design único e desenvolvido especialmente para você, basta contratar uma web designer.

Limite de tráfego:

Mais uma grande diferença entre o Website Free e o pago é o limite de tráfego. No caso dos sites gratuitos, o tráfego acaba sendo muito limitado. Por conta disso, se você tiver um pico de acesso, provavelmente vai ficar com a página fora do ar. E com certeza isso irá prejudicar a sua imagem, principalmente se você tiver um e-commerce. Por sua vez, na versão paga você consegue comprar planos de tráfego. Logo, sempre que você precisa de um limite maior é só fazer um upgrade.

Otimização:

Otimização é um processo onde você deixa a sua página mais atraente para os algoritmos do Google. Ela é possível através de várias estratégias, como mudança nos títulos de páginas e o uso de palavras-chaves que geram engajamento para o seu negócio. No caso do Website Free, esse tipo de funcionalidade é muito limitado. Isso quando a plataforma oferece algum tipo de ferramenta de otimização, pois muitas não oferecem nada. E com isso, as chances do seu site conseguir um bom posicionamento são bem menores. Por sua vez, no site pago você consegue ter vários recursos para otimizar a sua página. É possível mudar até mesmo características de cada página ou postagem dentro do espaço. E dessa maneira, fica mais fácil melhorar o posicionamento da sua página dentro da web.

Domínio:

Essa é outra grande diferença que faz toda a diferença para quem deseja ter uma boa imagem dentro da web. No caso do Website Free, o seu domínio nunca será exclusivo e fácil. Isso porque sempre terá o prefixo da plataforma. Por exemplo, digamos que você tenha um pet shop e queira o domínio “coisas para pet”. No site gratuito, provavelmente ele ficará dessa forma www.prefixodaplataforma.coisasparapet.net. Por sua vez, em um site pago você também consegue comprar o domínio, podendo deixa-lo da seguinte forma www.coisasparapet.com.br.

Escolha Inteligente: Por Que Investir em um Site Pago?

Levando em consideração todos os pontos acima, fica evidente que a melhor opção entre o Website Free e o Pago é a segunda. Apesar de você ter que desembolsar mais dinheiro, também será possível ter mais vantagens. Um site gratuito acaba limitando demais a sua atuação. Além disso, é preciso ter em mente que você não conseguirá desenvolver algo realmente com a sua cara. Por conta disso que o ideal é investir em um site pago, e, claro, contratar um profissional para desenvolver toda a parte de layout. Assim, você terá uma página de qualidade e que atenda as suas necessidades.

Tipos de Websites: Explorando as Possibilidades

Existem vários tipos de websites na internet. Abaixo, vamos listar alguns dos principais e suas características.

One Page:

Esse é um tipo de site indicado para quem está começando a construir uma presença na web ou que deseja uma pegada mais minimalista. Isso porque, todo o layout e conteúdos são construídos em uma única página. Através de um menu você consegue navegar entre os conteúdos, mas todos eles estão disponibilizados na mesma página. Eles podem ser boas opções para eventos e empresas que estão iniciando.

Institucional:

Os sites institucionais são extremamente comuns dentro da web. Esse tipo de página serve para posicionar uma marca dentro do mundo digital. O design é simples e funcional, uma vez que essa página só irá trazer informações sobre o empreendimento, tais como: história, missão, visão, valores, contato, entre outros dados. Em alguns casos, o site institucional também pode apresentar produtos e serviços para o consumidor, bem como um espaço para solicitação de orçamento. E tudo isso irá ajudar diretamente na divulgação do empreendimento.

E-commerce:

Outro tipo de site que se tornou muito popular nos últimos anos é o e-commerce. Basicamente, ele é uma loja virtual onde os usuários conseguem fazer compras de forma totalmente online. Dentro desse tipo de plataforma, é possível disponibilizar os produtos e serviços de uma empresa de forma facilitada. Além disso, o consumidor consegue ter acesso a diferentes formas de pagamento. E dependendo do que você deseja, é possível incluir uma série de outras facilidades que otimizem a compra. Por exemplo, você pode implementar uma ferramenta de cadastro/login utilizando as redes sociais. Assim, o cliente só precisará logar com a conta do Facebook, por exemplo, para conseguir efetuar a compra.

Blogs:

Os blogs são voltados para quem deseja trabalhar com marketing de conteúdo. Isso porque, por meio dele é possível postar artigos e diferentes tipos de conteúdo, como vídeos, infográficos, imagens e muito mais. E tudo isso ajudará no fortalecimento da identidade da marca ou negócio dentro da web. Geralmente um blog é utilizado em conjunto com outro website, como, por exemplo, um institucional.

Lading Page:

Esse é um tipo de website que tem se tornado cada vez mais popular entre as empresas. Isso porque, o objetivo dele é divulgar algum produto, serviço ou companha, mas, com o intuito de capturar leads. Ou seja, pessoas que tenham interesse naquilo que está sendo oferecido. Geralmente a LP também concentra todas as informações em uma única página. E o principal diferencial dela para as demais é que, se o usuário quiser ter mais informações ou até mesmo obter um produto digital, precisará fornecer dados pessoais como nome, telefone e e-mail. Normalmente, esse tipo de site é utilizado em campanhas de marketing, para aumentar o lista de endereços de leads.

 

Conclusão:
Fortaleça Sua Presença Digital Investindo na Qualidade

Após analisarmos os benefícios do Website Pago em relação ao Website Free e explorarmos os diversos tipos de websites disponíveis, é evidente que o investimento em uma plataforma paga oferece vantagens significativas para a sua presença online.

Ao escolher um site pago, você não apenas garante uma maior flexibilidade e recursos para expressar a identidade da sua marca, mas também assegura uma imagem profissional e confiável perante seus clientes e seguidores.

Portanto, não subestime o poder de um site bem desenvolvido e personalizado. Ao optar por um website pago e contar com profissionais especializados para sua criação e manutenção, você estará pavimentando o caminho para o sucesso digital do seu negócio.

Hodney Fernandes

Hodney Fernandes é fundador da Vesano Mídia Marketing, formado em design digital, tem mais de 30 anos na área de web design, Ux, UI e marketing Digital.

× Vamos conversar?